domingo, agosto 22, 2010

GRUPO DE TRABALHO DA APA DO ITAPIRACÓ

Em 12/08/10 – O GT da APA do Itapiracó reuniu-se para definir a criação do Conselho Gestor da Área de Proteção do Itapiracó, e discutir o processo de instalação da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - EMBRAPA e do Instituto Federal do Maranhão – IFMA, na referida área.
Na ocasião, a Superintendência de Desenvolvimento e Educação Ambiental – SDEA,o Departamento de Educação Ambiental e o Departamento de Preservação e Conservação Ambiental da Secretaria de Estado do Ambiente e Recursos Naturais do Maranhão – Sema, representados , respectivamente, pelas Srª. Yassodhara Araújo e Srª Eliane Abreu, apresentaram o Cronograma de Atividades para formação do Conselho Gestor da Área de Proteção do Itapiracó , abaixo discriminado :

- 18/08/10 a 31/08/10 – Elaboração, discussão e aprovação do Edital de abertura das inscrições - Equipe SEMA;
- 01/09/10 a 30/09/10 – Lançamento e publicação do Edital no site da SEMA e outro meios de comunicação (a definir);
- 04/10/10 a 15/10/10 – Elaboração e material necessário para a realização do Curso de Capacitação dos inscritos para eleição do Conselho Gestor da APA do Itapiracó;
- 25/10/10 a 29/10/10 - Realização do Curso de Capacitação para os inscritos para eleição do Conselho Gestor da APA do Itapiracó;
- 29/10/10 - Eleição do Conselho Gestor da APA do Itapiracó.

Em seguida o Sr. Eugênio Araújo (EMBRAPA) apresentou o projeto arquitetônico da EMBRAPA – Cocais e Planícies Inundáveis, a ser implantado na APA.

Construção principal da sede da EMBRAPA: 2.885m2 - 318m2/ (EXPANSÃO) = 2.567m2/Oficinas e serviços: 357m2/Guarita: 20m2/Total = 2.944m2


Logo após, o Sr. Ozelito Amarante Junior (Diretor de Desenvolvimento Institucional do IFMA) falou que a instalação do IFMA acontecerá também no entorno da Chácara do Itapiracó, sentido Canudos/Terra Livre, sendo detectada a necessidade de definição de fronteira entre os dois projetos arquitetônico (IFMA e EMBRAPA), o que acontecerá na próxima semana.


Para Srª Maria de Fátima - componente da Rede MODERI( Movimento em Defesa da Reserva do Itapiracó), “a proposta, tanto da EMBRAPA, como do IFMA, vem fortalecer o trabalho de parceria com os projetos : artesanato, agricultura familiar e da agroindústria, e assim contribuir, com a política pública de geração de trabalho e renda”.

A Vereadora Rose Sales (Presidente da Comissão de Meio Ambiente ) , parabenizou o MODERI na constante ação em defesa da APA do Itapiracó . Na mesma oportunidade solicitou da EMBRAPA e do IFMA uma apresentação mais sistematizada para próxima reunião , que também culminará com um passeio pela Reserva para visualizar in loco as problemáticas da área , à realizar-se no dia 28/08/2010.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

SUSTENTABILIDADE: GARRAFA ECOLÓGICA QUE FILTRA ÁGUA SUJA

A contaminação da água encanada tem sido um problema recorrente na vida dos brasileiros. Diversas análises e estudos indicam que cada vez...