domingo, setembro 25, 2011

ANTES TARDE DO QUE NUNCA.


Com certeza agora a verdade vai aparecer, a Justiça Federal aceitou a denúncia feita pelo MPF contra Edir Macedo (Igreja Universal).

Além de Edir, a Alba Maria Silva da Costa (diretora financeira), e os bispos João Batista Ramos da Silva e Paulo Roberto Gomes da Conceição.

AS ACUSAÇÕES:

CRIMES DE ESTELIONATO

FALSIDADE IDEOLÓGICA

FORMAÇÃO DE QUADRILHA

EVASÃO DE DIVISAS

LAVAGEM DE DINHEIRO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVENIDA LITORÂNEA: MPF CONTÉM OCUPAÇÃO IRREGULAR

A partir de ação civil pública proposta pelo Ministério Público Federal no Maranhão (MPF/MA), a Justiça Federal determinou a proibição de...