sábado, março 24, 2012

COMISSÃO APROVA DESCONTO NO IR PARA EMPRESA COM ATIVIDADE SUSTENTÁVEL

A Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável aprovou na última quarta-feira (21) o Projeto de Lei 1409/07, que concede desconto de 85% sobre o Imposto de Renda para empresas que desenvolvam projetos ambiental e socialmente sustentáveis nas áreas das superintendências de Desenvolvimento da Amazônia (Sudam) e do Nordeste (Sudene).
De autoria do deputado Beto Faro (PT-PA), a proposta modifica a Medida Provisória 2199-01/01, atualmente em vigor, que concede isenção de 75% aos empreendimentos localizados nessas regiões. Segundo o projeto, contudo, o aumento da isenção do Imposto de Renda só será concedido se a empresa (ou outra pessoa jurídica) protocolar na Sudam e na Sudene projeto que gere um "bem ambiental".
O conceito de "bem ambiental" envolve processos de produção que não gerem poluentes para o solo, a água e o ar; que respeitem os direitos dos trabalhadores; e que resultem em produtos que tragam
Para o relator da proposta, deputado Irajá Abreu (PSD-TO), embora a política de incentivos fiscais na Amazônia possa ter sido um fator para aumentar o desmatamento nas últimas décadas, a redução tributária para empreendimentos menos agressivos à biodiversidade pode reverter essa situação. "Esperamos que isso possa minimizar os eventuais efeitos nocivos provocados pela política de atração de recursos às regiões economicamente mais atrasadas do País", disse.benefício para o meio ambiente e a saúde humana.
Tramitação
O projeto já foi aprovado pela Comissão de Amazônia, Integração Nacional e de Desenvolvimento Regional, e ainda será analisado em caráter conclusivo pelas comissões de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

quinta-feira, março 22, 2012

INICIATIVA SOCIOAMBIENTAL DE PRESERVAÇÃO DA ÁGUA

Hoje, em todo o mundo, comemora-se o Dia Mundial da Água. A data foi criada pela Organização das Nações Unidas (ONU), em 22 de março de 1992. A iniciativa é uma maneira de levantar discussões sobre a importância desse bem natural à vida humana.
Apesar de o planeta Terra ser constituído por dois terços de água, apenas 0,008% é potável.
No Maranhão, a água é abundante, o Estado faz parte da segunda maior bacia sedimentar do país, a do Rio Parnaíba, juntamente com os Estados do Ceará e Piauí. Mas, os recursos hídricos maranhenses estão diminuindo a cada dia, devido ao crescimento no número de indústrias, construções de casa e, principalmente, por causa da falta de cuidados básicos com a preservação da água, como o uso indiscriminado em casas e empresas e a poluição dos rios e mares.
Na tentativa de diminuir o desperdício da água, algumas empresas estão trabalhando com iniciativas socioambientais.
A empresa Taguatur Veículos, por exemplo, implantou, desde 2003, um sistema de captação da água da chuva, que é contida e tratada, e depois utilizada para lavagem de veículos e de peças.
Além disso, a empresa reaproveita, também, a água utilizada na lavagem dos carros. "A água da lavagem é recolhida, depois passa por níveis de decantação e purificação, em filtros de carvão ativado e areia. Esse processo serve para retirar o óleo e a sujeira da água, que depois será novamente utilizada na lavagem dos veículos e na descarga sanitária da empresa", explica Messiane Melo, coordenadora de Planejamento e Gestão da Taguatur.
Essa iniciativa contribui tanto com a empresa, pois diminui os gastos com o pagamento de água, como para o meio ambiente, pois ajuda na preservação do recurso hídrico maranhense. “Depois que a empresa passou a reaproveitar a água da chuva e da lavagem de veículos, o valor da conta de água diminuiu consideravelmente, o que significa que menos quantidade de água doce está sendo utilizado, contribuindo muito para o meio ambiente”, comenta Messiane Melo.
Fonte: Imirante.com

terça-feira, março 20, 2012

REUTILIZAÇÃO DE CDS QUEBRADOS DÁ VIDA A ANIMAIS

Incrível como a criatividade se faz presente por meio de materiais simples e tão inusitados como este. O artista Sean Avery deve ter imaginado muitas coisas antes de ter essa ideia brilhante a partir da reutilização de CDs quebrados e outros materiais reciclados.

As esculturas de animais são tão incríveis que renderiam uma bela exposição. A riqueza de detalhes impressiona.
Avery utilizou muitas cores e texturas em suas criações. Foi uma ótima estratégia para dar fim a esse tipo de material que iria para o lixo. A reutilização de CDs quebrados e até peças usadas de computador levaram o artista a criar um verdadeiro zoológico, despertando uma paixão que já tinha pela arte.

Até cacos de CDs ele reaproveitou para criar a textura de pele, penas e escamas dos animais. Impressionante!
Fonte: Yahoo

sábado, março 17, 2012

HOMEM AMARRA E ESTUPRA A FILHA DE SUA NAMORADA

Deibson Rodrigues Silva, de 22 anos, foi preso ontem dentro do 2º Distrito Policial (João Paulo), pela equipe de investigadores da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA). Ele é suspeito de estuprar uma menina que, segundo a Polícia Civil, é filha de sua namorada. Deibson Silva confessou ter amarrado as duas para que conseguisse consumar a violência sexual. O crime ocorreu no bairro Cohab, onde moram.
A delegada titular da DPCA, Igliana Freitas, autuou Deibson Silva por estupro de vulnerável, logo após o fato ter sido comprovado por meio de exames de conjunção carnal. Segundo a delegada, a mãe da criança também pode responder pelo delito, já que teria demonstrado à polícia desejo de acobertar o companheiro, com quem convivia há apenas cinco meses, tentando impedir a sua prisão, apesar de tudo.
"O estupro aconteceu na madrugada de quinta-feira, 15. A mãe e a filha contam a mesma versão: a de que foram amarradas e ameaçadas pelo agressor com uma faca. O mais estranho de tudo é que, após cometer o crime, o suspeito permaneceu na casa até o amanhecer e só então deixou o local em um moto-táxi, com a quantia de R$ 50,00, emprestada por uma vizinha a pedido da mãe da menor", revelou a delegada.
Fonte: Imirante

quinta-feira, março 15, 2012

MENOR ESPÉCIE DE SAPO DO BRASIL É ENCONTRADA NO ESPÍRITO SANTO


A menor espécie de sapo do Brasil, que mede entre 7 e 10 milímetros de comprimento, foi encontrada pela primeira vez no Espírito Santo, na região da Serra das Torres, em Atílio Vivacqua, ao sul do Estado. O registro foi feito pela pesquisadora do Programa de doutorado em Ecologia e Evolução da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Jane de Oliveira.


 
De acordo com a pesquisadora, o animal raro é possivelmente o menor animal vertebrado do Brasil e um dos menores do mundo. A espécie Brachycephalus didactylus, também conhecida como sapo Pulga, era conhecida apenas no Rio de Janeiro. Animal tem coloração idêntica a das folhagens.

O animal sobrevive com a umidade das folhas e tem coloração idêntica a elas.

Fonte: Yahoo

segunda-feira, março 12, 2012

ESCOLA DE MÚSICA DO MARANHÃO FECHA AS PORTAS SEM PREVISÃO DE RETORNO

A Escola de Música do Estado do Maranhão (Emem) Lilah Lisboa de Araújo, adiou o início das aulas, e não tem previsão de nova data. A suspensão das aulas é recorrente de uma vistoria realizada pela Defesa Civil do Estado, no segundo semestre de 2011.
Na vistoria foram identificados riscos de desabamento em parte significativa do prédio, localizado na Rua da Estrela, Centro Histórico de São Luís. O início das aulas estava previsto para o dia 05 de março. O prédio não passa por reformas desde 2001, quando a sede da escola foi transferida para o local. 

O diretor da Emem, Professor Raimundo Luís, explicou que, no segundo semestre do ano passado, a Defesa Civil fez a vistoria no prédio, e determinou a interdição imediata de dois espaços: o poço, e o andar onde fica um mirante. "Na época da vistoria, nós até isolamos o poço, mas a palavra da Defesa Civil foi suficiente pra mostrar que a estrutura da escola está toda comprometida, necessitando de uma reforma geral," afirmou o diretor. Raimundo Luís lembrou ainda que o prédio está há quase 12 anos sem passar por uma reforma, e que a luta por melhorias no prédio vem desde 2009. "Nós encaminhamos mais de um ofício para a Secretaria de Estado da Cultura (Secma), que repassou a situação para a Sinfra (Secretaria de Infraestrutura), porque o valor necessário pra fazer a reforma era alto demais para a Secma," explicou. 
O diretor ressaltou também que, desde então, o Sinfra respondeu apenas que há outras demandas à frente. "Dessa forma, nós decidimos não iniciar as aulas por questão de segurança aos alunos." De acordo com o assessor de comunicação da Sinfra, Gilberto Leda, a obra já está em fase de licitação, a qual deve ser finalizada em abril.
Atualmente a Emem possui 600 alunos, 40 professores, e oferece 18 cursos profissionalizantes, de diferentes núcleos, como: percussão, corda e sopro.
ESCLARECIMENTOS

Durante toda a semana, a escola permaneceu aberta para esclarecimento aos alunos e entrega de uma circular que informava o adiamento das aulas e o motivo. "Nós decidimos abrir a escola durante essa semana pra esclarecer aos pais e alunos que a escola não fechou as portas, mas adiou o início das aulas para reforma," afirmou Raimundo Luís. 
A partir da próxima semana, a escola estará fechada. Raimundo Luís disse ainda que, uma vez iniciado o semestre, as aulas atrasadas serão repostas. A Emem é a única escola de música profissionalizante do Estado. Segundo o diretor, cerca de 70% dos alunos do curso de Música da Universidade Federal do Maranhão (Ufma) e Universidade Estadual do Maranhão (Uema) são da Emem. 
Fonte: Imparcial

sexta-feira, março 02, 2012

COPÃO SEMDEL AGITA OS BAIRROS DE SÃO LUÍS NESTE DOMINGO


Foi dada a largada para o Copão Semdel 2012, uma realização da Prefeitura Municipal de São Luís , por intermédio da Secretaria Municipal de Desporto e Lazer – Semdel.


Fonte: ASCOM SEMDEL

APRENDA A FAZER ARMADILHA PARA COMBATER A DENGUE

Criada por um professor do Rio de Janeiro, a mosquitérica é um dispositivo feito com garrafa pet e que tem como função aprisionar o mosquito da dengue. O dispositivo foi utilizado em uma pesquisa do Instituto Federal do Triângulo Mineiro (IFTM) aplicada em quatro cidades da região.

Segundo a coordenadora do projeto do campus do IFTM em Ituiutaba, no Triângulo MIneiro, Junia Costa, em um ano de pesquisa foi possível perceber a redução dos índices de infestação nos locais onde a armadilha foi implantada. O resultado positivo garantiu a continuidade do programa que, segundo a professora, deve retornar em 2012.
CONFIRA O PASSO A PASSO PARA MONTAR A ARMADILHA
MATERIAL NECESSÁRIO:
Uma garrafa pet de 1,5 ou 2 litros com o lacre;
Microtule;
Fita isolante;
Lixa de madeira nº 180;
Tesoura ;
Alpiste..
A ARMADILHA
- Corte a garrafa pet de 2 litros ao meio, para transformá-la em um funil e um copo;
- Retire o anel da ponta da garrafa sem quebrá-lo;
- Lixe o interior do funil até quel ele fique embaçado, com a superfície áspera;
- Recorte de um pedaço de mais ou menos 7cm x 7cm de microtule ou de tela mosquiteiro fina com a trama (furinhos) de no máximo 1mm de diâmetro. Depois cubra a boca do funil com essa telinha, e use o anel (que retirou no 2° passo) para prender. Depois com uma tesoura retire as sobras ao redor do anel;
- Pegue dois grãos de arroz ( ou alpiste), e com a ajuda de uma colher, esmague-os. Depois coloque os pedacinhos dentro da parte de baixo da garrafa, que agora serve como um copo.
- Depois de ter colocado os pedacinhos de arroz esmagados dentro do copo (parte de baixo da garrafa), coloque o funil com a ponta virada para baixo até tampar a boca do copo. Depois prenda o funil no copo usando fita isolante. Essa emenda deve ser vedada totalmente;

OBS: Não pode deixar nenhum vão nessa união.

- Calcule mais ou menos o meio do copo, faça uma marca e preencha com água limpa até essa marca.
Pronto, sua Mosquitérica está pronta para ser usada. Coloque-a sempre na sombra, de preferência próximo de casa em local sombreado (lembre-se que os Aedes Aegypti são mosquitos domésticos, encontrados principalmente atrás de cortinas, móveis e em locais próximos ao chão).

Fonte: Maranhão em Alerta

quinta-feira, março 01, 2012

STJ MANTÉM EMBARGO AO PROLONGAMENTO DA LITORÂNEA

O presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Ari Pargendler, manteve, em decisão do dia 24 de fevereiro e publicada ontem (28) no Diário da Justiça Eletrônico, a suspensão do licenciamento ambiental do prolongamento da Avenida LItorânea, obra a ser realizada pela Prefeitura de São Luís.
Ao julgar pedido de liminar do Município, o ministro negou a petição e manteve a decisão do juiz Carlos Veloso, que, em 2010, suspendeu audiência pública marcada para agosto daquele ano “bem como os atos posteriores do processo de licenciamento ambiental” da obra.
Alegava a Justiça de 1º grau, à época, ser público e notório que a área afetada pela ampliação da avenida consiste em restinga e contém um rio, sendo, portanto, Área de Preservação Permanente (APP).
Fonte: Gilberto Léda

A PRAÇA DAS ÁRVORES: EMPÓRIO SOCIAL

A comunidade do Complexo Cohatrac/Cohab viveu na manhã de 18/11, mais um importante momento de construção de pertencimento. A Praça das Árv...