quinta-feira, janeiro 14, 2016

CASO JULIANA: CRIANÇA PASSA BEM

A menina Juliana, desaparecida na manhã de ontem, após ser encontrada no início da noite no bairro do Cohabiano, foi encaminhada para a Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA) localizada no Centro de São Luís, para realizar exames de corpo de delito e psicossocial.  

De acordo com a titular da DPCA, a delegada Karla Simone Saraiva (foto ao lado), o caso requer um tempo para a divulgação do laudo oficial dos exames. No entanto, o resultado pode ser informado ainda na tarde de hoje. 

Segundo relato da tia criança, Ciany Moura, Juliana teria ido comprar galeto, quando foi abordada por um indivíduo que se utilizou de informações falsas de que o pai dela teria dívidas com o suspeito e que precisava entregar alguns documentos por meio da garota. Juliana então suspeitou da atitude e se negou a acompanhá-lo. Foi quando o homem então teria utilizado de força física para imobilizá-la e levá-la até um matagal onde ficaram por algumas horas".

Ainda de acordo com Ciany, Juliana passa bem. "Ela foi internada no hospital Materno Infantil onde recebeu todos os cuidados médicos. Juliana hoje está bem, está tranquila e não apresenta nenhum sinal de agressão física grave. Fisicamente, ela teria sofrido algumas escoriações na pele causadas pelo matagal enquanto tentava fugir.

A delegada Karla Simone informou que o inquérito está tramitando na DPCA, porém as investigações estão sendo realizadas pela Superintendência da capital. O suspeito até o momento não foi identificado.


As investigações do caso correm em sigilo. A Secretária de Segurança Pública (SSP), por meio da Superintendência de Polícia Civil da capital, informou que o suspeito já está sendo investigado e que ele poderá ser preso ainda hoje.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PRAÇA CIDADÃ: ATIVIDADES DE AÇÃO SOCIAL NA PRAÇA 12 DE OUTUBRO

Foi realizado neste sábado praça 12 de outubro (27/05), uma ação social, onde foi oferecido para toda a comunidade do complexo Cohatrac afe...