segunda-feira, maio 23, 2016

MORINGA: PLANTA QUE PURIFICA A ÁGUA E PODERIA ACABAR COM A FOME MUNDIAL


No universo dos chamados "SUPERALIMENTOS", a Moringa tem ganhado destaque. Existem 13 variedades da planta, que é da família Moringaceae - as mais comuns são a moringa oleífera e a moringa stenopetala. A árvore da moringa cresce muito rápida e pode chegar a até 12 metros de altura. Seus galhos são carregados de pequenas folhinhas verdes que são incrivelmente nutritivas. A planta se adapta bem em regiões de difícil proliferação de vegetais, em locais muito quentes e muito secos. Além disso, o alimento supre necessidades básicas, fornece energia e mantém os corpos nutridos. Na África e nas Filipinas, muitas famílias plantam uma árvore de moringa em seus quintais para garantir uso para consumo próprio. Todas as partes da planta são utilizáveis. Folhas, vagens verdes, flores e sementes têm rico valor alimentar, e todas as partes da planta, incluindo raízes, têm uso medicinal.

Como visto acima, todas as partes dessa generosa plantinha são aproveitadas. Seja para a alimentação ou em remédios alternativos. Contudo a planta tem outras potencialidades que vêm sendo estudadas. O óleo de sua semente possui importância industrial e é aproveitado para lubrificar maquinarias delicadas, é também empregado em cosméticos como perfumes e utilizado para biocombustível. A planta também é usada como forrageira, para alimentar carneiros, cabritos, coelhos, galinhas caipiras, vacas leiteiras. E como a planta floresce o ano todo, suas flores são uma opção na alimentação de abelhas.

Outro fator que ressalta a importância da planta é seu potencial de realizar um tratamento químico da água ao decantar bactérias e resíduos. Após macerar as sementes de moringa e adicionar a aguá, ela atrai argila, sedimentos e bactérias, que se acumulam no fundo do recipiente e deixam a água clara e potável. Ela melhora em 99% a qualidade da água com seu efeito purificador.

Três sementes purificam cerca de um litro de água. O ideal é utilizar sementes colhidas recentemente para o tratamento de água. O tempo ideal de decantação da água é de 90 minutos. Quanto maior o tempo e repouso, maior a quantidade de partículas irão se acumular no fundo do recipiente. Após esse processo a água precisa ser filtrada, coar com um pano já faz esse trabalho. Coar é muito importante, pois o material orgânico decantado inicia um processo de decomposição após o tratamento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ADECOI INFORMA: BRIGADA VOLUNTÁRIA AMBIENTAL DAS ÁREAS DE PROTEÇÃO AMBIENTAL - ITAPIRACÓ E BACANGA

Hoje (24/09) pela manhã houve a primeira aula de educação física conjugada da Brigada Voluntária Ambiental das Áreas de Proteção Ambiental ...