segunda-feira, setembro 12, 2016

AÇÃO COMUNITÁRIA: SAÚDE MENTAL NA PAUTA DO FALA COMUNIDADE


O projeto do PROGRAMA FALA COMUNIDADE prevê sintonia com as demandas comunitária e acompanhamento do calendário de atividades sociais. Diante disso, pautou-se a Saúde Mental, tendo em vista que o mês de setembro recebe a cor amarela para colaborar na reflexão da necessidade se trabalhar a prevenção do suicídio, tendo o dia 10 de setembro como Dia Mundial de Prevenção do Suicídio.

Patrício Barros (foto acima, o segundo da esquerda para direita), técnico do Departamento de Atenção à Saúde Mental da Secretaria Estadual da Saúde (SES), colaborou com a edição 179 – 11/09/2016 - do PROGRAMA FALA COMUNIDADE, fazendo uma linha do tempo e destacando aspectos relevantes sobre o tema. Patrício disse que a humanidade avançou muito, quando passou a estudar os problemas mentais dentro de uma metodologia científica. Também disse que a sociedade avança, quando compreende que o isolamento do indivíduo precisa ser substituído pelo convívio familiar e comunitário.

Barros falou ainda da Reforma psiquiátrica de 2001, da Rede de Cuidados em Saúde Mental, Crak, Álcool e outras Drogas que está estruturada em Centro de Atenção Psicossocial (CAPS), Serviços Residenciais Terapêuticos, Centros de Convivência e Cultura, Unidades de Acolhimento e dos leitos de atenção integral em Hospitais Gerais.


Patrício avalia sua participação no Fala Comunidade: ”Agradeço a oportunidade de socializar alguns nortes sobre a necessidade de ser pensar em saúde mental como uma linha de cuidado centrado na singularidade das pessoas respeitando as especificidades das demandas.”

Fonte: Camilo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

CIDADANIA FISCAL: CONTROLE DEMOCRÁTICO DOS RECURSOS PÚBLICOS

Américo Silva - a esquerda  Cidadania Fiscal foi a pauta do Programa Fala Comunidade de ontem, 16/07. Contamos com a participação de Am...