sexta-feira, dezembro 07, 2012

MULHER É MORTA A FACADAS APÓS IMPEDIR ABUSO SEXUAL CONTRA A PRÓPRIA FILHA


Um elemento identificado como José Arnaldo Santos Barros, o “Cabeludo”, é acusado de matar com várias facadas a sua companheira  Joana Gaspar Silva, de 58 anos.
O crime bárbaro ocorreu por volta das 2 horas da madrugada desta sexta-feira (7), na Rua Chile, no bairro do Anjo D’Guarda.
De acordo com testemunhas, “Cabeludo” chegou à sua residência no final da noite após ingerir bebida alcoólica, adentrou o quarto onde se encontrava sua enteada e deitou ao lado da garota de 14 anos e tentou abusá-la.
A mãe, ao ser surpreendida pelos gritos da garota ,saiu em seu socorro. Diante da atitude da mãe ao impedir a violência contra a filha, ela foi barbaramente assassinada.
Segundo vizinhos da vítima, “Cabeludo” já vinha ameaçando a vítima com quem vivia há um ano.  O acusado de praticar o crime foi encontrado por volta das 7 horas, dentro da área da Vale.
Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ORLA METROPOLITANA: PONTOS PRÓPRIOS PARA BANHO

O laudo semanal de balneabilidade, divulgado pela Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Recursos Naturais (Sema), aponta que 19 dos 21  ...