domingo, janeiro 30, 2011

DESCOBERTO GEL QUE RECONSTRÓI MAMA APÓS RETIRADA DE TUMOR

Cirurgiões do hospital Germans Trias i Pujol, em Barcelona, desenvolveram um gel de plaquetas que restitui o volume da mama após a extração do tumor, colocado no mesmo ato cirúrgico e permite conservar o formato do peito.

A técnica, elaborada em colaboração com o Banco de Sangue e Tecidos da Universidade Autônoma de Barcelona, é pioneira no mundo e já foi aplicada em 50 mulheres com bons resultados, como informa a centro em comunicado.

O tratamento é fruto de um projeto de pesquisa liderado pelo cirurgião Joan Francesc Julián e constitui uma nova tecnologia aplicada à cirurgia que não requer reconstruções posteriores, nem a colocação de próteses mamárias para atenuar o vazio gerado pela extração de um tumor mamário.

Embora circulem pelo sangue, as plaquetas não são células, mas fragmentos celulares, de modo que embora sejam de um doador não geram rejeição do receptor. Além disso, contêm fatores de crescimento e imunomoduladores que aceleram a reparação e regeneração do tecido.

Atualmente, sete de cada dez mulheres que têm câncer de mama precisam de uma tumorectomia ou extração do tumor, enquanto três de cada dez precisam de mastectomia, que representa a extração total do seio.

No caso das tumorectomias, até agora não se reconstruía a mama no momento da extração do tumor, mas posteriormente, e uma vez surgida uma deformidade, se recheava a área com ácido hialurônico e gordura da paciente, mas nem sempre com os resultados esperados.

A nova tecnologia foi patenteada pelas três instituições envolvidas no projeto, o hospital e o instituto Germans Trias, a Universidade Autônoma de Barcelona e o Banco de Sangue e Tecidos.
Fonte: G1

sábado, janeiro 29, 2011

UM REALITY SHOW DA CONSTRUÇÃO SUSTENTÁVEL, NO BRASIL.

Muita gente elogia o reaproveitamento de materiais, mas poucos incorporam a ideia – ainda mais na própria casa. É por isso que o arquiteto Danilo Corbas pode ser considerado um exemplo! Além de defender o reaproveitamento de materiais na construção civil, o profissional está erguendo a própria casa com contêineres marítimos velhos.

Apesar de ser o foco da obra, o uso das estruturas marítimas velhas não é a única opção sustentável que Corbas fará em sua nova casa. O arquiteto ainda pretende adotar muitas outras “atitudes verdes” na construção da residência, como a implantação de telhado verde e sistema de reaproveitamento da água da chuva e o uso de tintas à base de água na pintura da casa.

Segundo o arquiteto, além de ecologicamente correto, o uso de contêineres barateia o custo da obra e, ainda, agiliza o processo de construção. E aí, se anima a copiar a ideia?
Fonte: Superinteressante

sexta-feira, janeiro 28, 2011

LANÇAMENTO DA PEDRA FUNDAMENTAL DA EMBRAPA NA APA DO IATPIRACÓ.

 A Embrapa Cocais e Planícies Inundáveis lançou nesta quinta-feira (27), a PEDRA FUNDAMENTAL da Unidade a ser construída na Area de Proteção Ambiental do Itapiracó capital maranhense. A solenidade contou com a presença do presidente da Embrapa, Pedro Arraes; dos secretários Cláudio Azevedo (Agricultura, Pecuária e Pesca), Conceição Andrade (Desenvolvimento Agrário), Pedro Fernandes (Cidades e Desenvolvimento Urbano), Israel Ferreira (Assuntos Estratégicos), Tadeu Palácio (Turismo); do superintendente federal do Ministério da Agricultura, Fernando Machado; e do chefe da Embrapa Cocais, Valdemício Sousa.
 
A construção da Embrapa Cocais é uma meta do Programa de Fortalecimento e Crescimento da Embrapa (PAC Embrapa). A nova Unidade já recebeu R$6.797.000,00 de recursos do Programa para investir em obras e equipamentos. Outros R$18 milhões, captados por meio de emenda parlamentar de bancada, serão destinados ao custeio da Unidade e às obras da sede, de laboratórios e de campos experimentais. Parte dos recursos também servirá para a realização do Zoneamento Agroecológico do Maranhão.

UPA DO COHATRAC

Estiveram presentes nesta sexta-feira (28/01/11) na Unidade de Pronto Atendimento do Cohatrac (UPA), funcionários, gestores e representantes da sociedade civil organizada, para construção do conselho gestor da referida UPA. Tal processo tem como objetivo maximizar as atividades da referida UPA.
Na oportunidade foi apresentado o regulamento do Conselho Gestor da Unidade de Pronto Atendimento do Cohatrac, ficando acordados e agendados, para os:
- 12 de fevereiro a plenária dos usuários;
- 14 de fevereiro a homologação do Conselho Gestor.

quinta-feira, janeiro 27, 2011

A LEI DE ZONEAMENTO URBANO DE SÃO LUÍS FOI ALTERADA.

Sem a realização de audiências públicas a Prefeitura de São Luís alterou a Lei de Zoneamento, a atitude da prefeitura é ilegal, já que o Estatuto da Cidade e o Plano Diretor do Município de São Luís determinam que qualquer alteração dos seus dispositivos devem ser levados a público e discutidos com a população da cidade.

MODIFICAÇÕES:
* o aumento no número de pavimentos destinados a estacionamentos em prédios;
* as medidas de afastamentos laterais e fundos dos pavimentos dos estacionamentos, entre outras medidas previstas na Lei de Zoneamento Urbano.

FIQUE DE OLHO!

quarta-feira, janeiro 26, 2011

FILME LIXO EXTRAORDINÁRIO É INDICADO PARA O OSCAR DE MELHOR DOCUMENTÁRIO.

O filme que trata sobre a sobrevivência e os dramas dos catadores de lixo no Brasil já foi premiado nos Festivais de Berlim e Sundance e acaba de ser indicado ao Oscar de Melhor Documentário.

 
As condições de trabalho e vida de catadores e das comunidades que vivem em torno a lixões, causam direta da péssima gestão de resíduos sólidos de nosso país, dão o drama humano do filme aclamado mundo afora. E aqui dentro? Começaremos este ano de estréia da Política Nacional de Resíduos Sólidos com o intuito de erradicar essa deplorável situação sócio-ambiental? A desumana e injusta realidade retratada no filme nos lembra como o Brasil ainda está muito longe de ser um país desenvolvido, democrático e justo. Veja a entrevista com um dos diretores de Lixo Extraordinário concedeu ao site GreenNation.

“Parece um sonho”: é assim que o artista plástico brasileiro Vik Muniz diz ter recebido nesta terça-feira (25) a notícia de que o filme “Lixo extraordinário” vai concorrer ao Oscar de melhor documentário. O longa-metragem, que é uma co-produção entre Brasil e Reino Unido, mostra o trabalho de Muniz com catadores de lixo no Rio de Janeiro.

“Estou muito feliz, porque foi uma história que começou por acaso e virou um filme de grande importância, porque consolida um grupo social e mostra o verdadeiro valor do lixo”, afirmou o artista em entrevista por telefone, minutos após saber da indicação.
Fonte: G1

sábado, janeiro 22, 2011

GESTÃO CO-PARTICIPATIVA.








A governadora do Maranhão, Roseana Sarney determinou que o Parque Ecológico Estadual da Lagoa da Jansen terá administração compartilhada entre as secretarias de Infraestrutura (SINFRA) e de Esporte e Lazer (SEDEL) serão as responsáveis pela manutenção do espaço público.

A nova proposta coloca a SINFRA como responsável pela conservação, manutenção, com a realização de avanços de toda a área da Lagoa da Jansen, com a SEDEL será o gerenciador das praças  de recreações e esportivas.

quarta-feira, janeiro 19, 2011

GORDURA X AÇÚCAR – DESCUBRA QUEM É O VILÃO DA BOA ALIMENTAÇÃO.

A relação entre escolhas alimentares corretas e prevenção de doenças já está bastante demonstrada. E quando falamos de escolhas corretas, normalmente, a gordura é logo apontada como a vilã do cardápio, mas será que ela é mesmo a vilã?
Não é possível viver sem ingerir gordura. Elas são importantes fontes de energia para o corpo humano. Além de terem papel fundamental no crescimento e restauração das células e para o transporte e absorção de algumas vitaminas.

Mas vale saber que temos que optar pelo tipo saudável de gordura, as chamadas de insaturadas.

As gorduras insaturadas são de origem vegetal e em temperatura ambiente são líquidas. Bons exemplos são os óleos de soja, oliva, linhaça, gergelim, sacha inchi. A gordura de peixe também, apesar de não ser de origem vegetal.

Já as gorduras saturadas, que devem ser consumidas com moderação, são de origem animal. São sólidas à temperatura ambiente e são encontradas em derivados do leite, como queijo e manteiga, e em produtos de origem animal, como carne vermelha e bacon. Estas, se consumidas em excesso, são prejudiciais à saúde.

A ingestão de grandes quantidades de gorduras predispõe ao acumulo de gordura entre as vísceras, o que aumenta o risco de infarto, AVC e diabetes.

As pesquisas comprovam o papel protetor do consumo das gorduras insaturadas. Elas mostram que a ingestão de gorduras insaturadas diminui o risco de doença cardiovascular.

Porém outro vilão vem sendo demonstrado nestes estudos, o açúcar. Os resultados mostram que se o consumo de gorduras insaturadas diminui o risco de doenças cardiovasculares, o alto consumo de açúcar está associado a um maior risco de doença do coração e infarto.

Os estudos demonstram que o verdadeiro vilão da alimentação é o açúcar. A ingestão de carboidratos de alto índice glicêmico, como o açúcar, os pães e cereais refinados foi associada à maior risco de doença coronariana.

Além de aumentar o risco de doenças do coração, o consumo de açúcar acidifica o sangue o que pode causar descalcificação e desmineralização de ossos aumentando o risco de osteoporose. Desta forma, o açúcar não deve ser considerado um alimento, mas sim um antinutriente.

O consumo excessivo de açúcar também nos predispõe ao diabetes. Ao consumirmos açúcar em excesso, produzimos muita insulina o que cria resistência à ação da insulina e o surgimento de diabetes.

O açúcar deve ser substituído pelo consumo de cereais integrais, ricos em fibras. O consumo destes alimentos associados ao de gorduras insaturadas estão relacionados a proteção contra diabetes e infarto.

Ou seja, para uma alimentação saudável, que gere bem-estar e qualidade de vida devemos priorizar o consumo de cereais integrais, os óleos vegetais, frutas, verduras e legumes e evitar o consumo de alimentos refinados, industrializados, ricos em açúcares e gorduras saturadas.

Fonte: Flávia Morais

UMA CIDADE CONSTRUÍDA COM CONTÊINERES DE NAVIOS VELHOS.

Não é cenário de filme. A Cidade Contêiner (ou Container City, como é mais conhecida) existe de verdade e já virou atração turística no México, onde foi construída.

Idealizada pelo designer gráfico Gabriel Esper Caram, ela possui 5 mil m² de área urbana, que são “preenchidos” por 50 contêineres de navios velhos. As estruturas de metal dão origem a lojas hippies, livrarias, galerias de arte, bares, restaurantes, padarias e até dormitórios – para abrigar os turistas dispostos a passar a noite na cidade.

Para tornar a estadia na Container City mais agradável, todos os contêineres sofreram um upgrade e possuem isolamento acústico e sistema térmico, que mantém uma temperatura agradável dentro das estruturas de metal. Além disso, a cidade possui Wi-Fi e há música tocando em todas as ruas.

Todo o esforço para chamar a atenção dos turistas parece estar dando resultado: a Container City, que fica no Estado mexicano de Puebla, está recebendo muitos visitantes, de segunda à domingo, e já é considerada no país um ponto de referência nos campos da cultura e arquitetura, além de um ótimo exemplo de reutilização de lixo.
Fonte: Super

PRAÇA CIDADÃ: ATIVIDADES DE AÇÃO SOCIAL NA PRAÇA 12 DE OUTUBRO

Foi realizado neste sábado praça 12 de outubro (27/05), uma ação social, onde foi oferecido para toda a comunidade do complexo Cohatrac afe...